De rouille et d’os – Rust and Bone.

Bom, meu post de hoje é dedicado a este filme Franco-Belga, do diretor Jacques Audiard. O filme para mim, e uma obra de arte, de rouille et d’os ou rust and bone, que foi traduzido para nós como, ferrugem e osso. Pois bem, eu vi a sinopse(apesar de nunca acreditar em sinopse), e achei um filme normal, mesmo porque a sinopse não mostra o quanto o filme é, mas quando vi o nome dela, pensei, deve ser um PUTA filme. Marion Coutillard, atriz francesa que está em ascensão, não é querendo desmerecer a Audrey Tautou, muito pelo contrario, as duas hoje, para mim, são as melhores atrizes francesas, fato. Alguém duvida, então diga-me alguma ao qual, trabalhou ao lado de Tom Hanks e Christan Bale e Morgan Freeman, Gary Oldman e etc. Marion hoje é a minha atriz favorita, uma atriz que sabe envolver o personagem e cativa o publico a gostar do cinema, e com este filme não foi diferente. Sou suspeito de falar por amar o cinema francês ou qualquer outro que não tenha um dedo de um hollywoodiano. Gosto do cinema hollywoodiano, mas  não tanto como estes feitos fora, como The Hunt – “Jagten”, do Mads Milkkelsen, otimo filme escandinavo.

O filme começa com Ali(Matthias Schoenaerts) e seu filho, procurando abrigo na casa de sua irma. Tenta arranjar um emprego, e arranja um bico de segurança de boate, quando encontra com a deusa Marion, depois disso, tem o terrível “acidente”, é aí onde o começa o filme. Filme é aquele que cativa e não deixa você ficar com tédio, você torce para que dê tudo certo, mas sempre há algo para querer impedir.

Poster do filme.

Poster do filme.

Detalhe, se você pensa que Matthias é coadjuvante, vai se enganar. Gostei bastante da sua atuação.

Esta imagem, no filme é uma das mais belas.

Imagens do filme.

Imagens do filme.

Quando terminei de assisti-lo, fiquei estupefato e então fui procurar sobre, descobri que o filme é baseado nos contos de Craig Davidson. E após a sua exibição no Festival de Cannes, o mesmo foi aplaudido de pé durante 10 minutos. Buta gue Bariu, depois dessa eu tive que assistir.

Indico assistir o filme com sua paixão do lado ou a mulher que você deseja passar pelo resto da vida. A ideia do filme não é de amor pelo resto da vida, mas de reconhecimento, a pessoa que esta do seu lado nas horas difíceis e ruins. Você irá entender a hora difícil.

Musica para post - Moonshine - Bruno Mars
Anúncios


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s